Como Deus Contorna as Falhas do Ministério | 08/07/2022



Por Rick Warren | Site Pastors.com

A atividade recreativa favorita do meu pai era a pesca. Um dia sem pescar era um dia perdido para ele.

Se você já esteve perto de um pescador, sabe que eles têm ótimas histórias de peixes. Quanto mais eles contam essas histórias, maior o peixe fica.

Mas não há nenhuma história de pesca que eu possa compartilhar como a de Lucas 5. Esta história tem muito a dizer para nós no ministério. Se trata de como lidar com o desânimo no trabalho, seja você um pescador profissional ou um pastor.

Vamos mergulhar direto na história – Pedro, André, Tiago e João eram donos de uma empresa de pesca. Eles estavam pescando a noite toda e não pegaram nada. Você e eu podemos nos identificar com isso. Sabemos o que é trabalhar dia e noite tentando pescar pessoas com o Evangelho, e ainda assim sairmos sem nada.

Esses quatro podem ter sido pescadores na época, mas sabemos de algo que eles não sabiam. A intenção de Jesus desde o início era que eles se tornassem pescadores de homens. E nesta história, vemos como Jesus transformou pescadores em dificuldades em alguns dos maiores pescadores de homens que o mundo já viu.

Se quisermos que Deus mude nossos ministérios, precisaremos dar os mesmos quatro passos de Pedro, André, Tiago e João:

  1. Desista do controle do seu ministério.

Lucas 5:3 nos diz que Jesus entrou em um dos barcos de Pedro. Se você quer que Deus abençoe seu ministério, Jesus deve entrar em seu barco também.

A essa altura, esses pescadores estavam no mesmo lago, no mesmo barco e usando as mesmas redes que não haviam pescado nada na noite anterior. A única diferença entre suas redes vazias e suas redes transbordantes é Jesus.

Pastor, isso é um divisor de águas para você também. Jesus precisa de acesso total ao seu ministério. Você pode pensar que isso é óbvio porque, é claro, você precisa de Jesus em seu barco. Mas quantas vezes você deu o volante do seu ministério para outra coisa? Se você está deixando as opiniões dos outros ou a definição de sucesso do mundo liderar o caminho, então Jesus não está na direção.

Muitos de nós oramos: “Deus faça de mim um sucesso, e eu o servirei”. Mas, em vez disso, Deus quer que oremos: “Deus, meu ministério está falhando, então estou dando tudo para você. Eu não vou segurar nada. Faça com o meu ministério o que quiser.”

Se você quer a bênção de Deus em seu ministério, Jesus deve ter controle total. 

2. Admita que o que você está fazendo não está funcionando.

Você pode imaginar como foi difícil para Pedro dizer a Jesus em Lucas 5:5: “Mestre, trabalhamos duro a noite toda e não pegamos nada” (NVI)? Pedro era um profissional. Ele havia pescado a vida inteira. É difícil para qualquer profissional admitir o fracasso.

É difícil para os pastores também. É humilhante admitir que, apesar de sua educação e seu trabalho árduo, seu ministério está uma luta. Às vezes, o seu melhor não é bom o suficiente.

O que nos impede de admitir quando algo não está funcionando? Orgulho. Teimosia. Medo. Muitas vezes queremos fazer o ministério da maneira que sempre fizemos. Temos medo de que Deus nos faça tentar algo novo.

Mas esse tipo de resposta só leva a um lugar – de volta às mesmas velhas falhas. 

3. Faça o que Jesus te disser para fazer.

Jesus disse a Pedro exatamente o que fazer. “Leve o barco para um lugar onde o lago é bem fundo. E então você e os seus companheiros joguem as redes para pescar.” (Lucas 5:4 NTLH). Jesus providenciou um quando (agora), um onde (onde é mais profundo) e um o quê (lançar suas redes). Quando Deus nos dá um chamado, ele faz o mesmo por nós.

Como foi para Pedro, nosso chamado nos levará mais fundo e exigirá que assumamos riscos. Águas mais profundas costumam ser onde os peixes estão, tornando mais perigoso pegá-los. As pessoas que estão longe de Deus também estão em águas profundas. Para alcançá-los, você precisará assumir um risco.

Uma razão pela qual Deus permite que você lute em seu ministério é porque ele quer levá-lo mais fundo. Obedecer a Jesus em seu ministério sempre envolve risco. Deus te ama demais para deixar você ficar onde está.

Antes de iniciar Saddleback, 42 ​​anos atrás, eu era um jovem seminarista no Texas. Deus me chamou para começar uma igreja em um lugar onde nunca estive, sem dinheiro, sem pessoas, sem salário e sem sustento. Deus me chamou para arriscar. Deus me chamou para entrar em águas profundas - e eu obedeci.

O que Deus está dizendo para você fazer? O que está impedindo você de obedecer?

4. Espere que Jesus mude as coisas.

Se Deus o chamar para pescar, se ele vier com você e lhe disser onde lançar suas redes – e você obedecer – você não sairá vazio. Pedro entendeu isso. Todo o cansaço, medo e frustração da noite anterior ficaram para trás. Pedro está tremendo de expectativa. Ele não tem mais medo de falhar.

A Bíblia diz que quando o pescador largou as redes, Jesus os abençoou abundantemente: “Quando eles lançaram as redes, elas ficaram tão cheias que começaram a romper-se!” (Lucas 5:6 NVT).

Então Jesus mudou a perspectiva deles. A Bíblia diz que eles ficaram maravilhados com o que Deus fez. Pedro então chama Jesus de “Senhor”.

Esse milagre se tornou o ponto de virada na vida desses quatro homens. A noite das redes vazias foi seguida por uma vida inteira servindo a Jesus e vendo-o fazer o impossível através delas.

Seus dias de ministério mais difíceis também podem ser o ponto de virada para você. Ao dar a Jesus o controle de seu ministério, admitir que seu caminho não funcionou, fazer o que ele mandar e esperar que ele mude as coisas, Deus também fará o impossível através do seu ministério.



▪ Canais Sociais e Contato ▪

Facebook: /prpaulomiranda
Instagram: @prpaulomiranda
Twitter: @prpaulomiranda
Site: www.missaodoan.com.br
Email: prpaulomiranda@gmail.com
Whatsapp: (41) 98811-8915

/// Projeto Missões na Índia.

▪ Ajude-nos a plantar e construir igrejas na Índia.

Nosso alvo é ajudar a construir igrejas na Índia apoiando o árduo trabalho de nosso querido pastor Satyanarayana, que é um missionário local. Estamos nesta aliança desde 2009.

Conheça mais desse projeto através de nosso site: www.missaodoan.com.br.

Comentários

Postagens mais visitadas